Tudo sobre Pulgas

De forma geral, pulgas são insetos pequenos, ágeis e que vivem do sangue de outros animais,
normalmente domésticos, como cães e gatos. As pulgas podem se tornar um problema sério
quando invadem a casa e – claro – seus habitantes. Confira a seguir tudo o que você precisa
saber sobre essas pragas!

Principais características

Locais com poeira e com circulação intensa de pessoas são os preferidos do pequeno inseto.
Teatros, cinemas, ônibus e comércios são adorados pela praga, que se instala em pontos
como costuras de carpetes e frestas de assoalhos, esconderijos ideais. Por terem um tamanho
tão diminuto, as pulgas muitas vezes passam despercebidas, provocando apenas um
incômodo, como coceira nas pernas e nos braços e pequenas feridas pelo corpo. Uma pulga
adulta coloca de 25 a 30 ovos por dia e apenas 5% das pragas que transitam no ambiente são
adultos. Ou seja, os outros 95% consistem em ovos ou larvas, mais difíceis ainda de se
identificar Uma pulga também é capaz de pular até 30 vezes sua própria altura, o que equivale
até 30 centímetros, se tornando um parasita muito ágil e perigoso. Uma das grandes
dificuldades para eliminar esta praga é que a pulga é extremamente resistente, conseguindo
sobreviver sem sugar sangue de animais e humanos por mais de 200 dias.

Tipos mais comuns

Quando o assunto é ambiente urbano, os tipos de pulga mais comuns são Ctenocephalides
felis, mais comuns em gatos, mas que também podem infestar cachorros; e Ctenocephalides
canis, comuns em cães, mas que, por outro lado, também podem infectar felinos. Um tipo que
merece atenção é o Pulex irritans, que tem como hospedeiro, de forma geral, os humanos.
Independentemente do tipo da pulga, todas podem transmitir doenças que vão de reações
alérgicas a graves enfermidades, com a peste bubônica, que tem como vetor a espécie
Xenopsylla cheopis, parasita de roedores. Atenção é fundamental.

Como eliminar

Uma das formas de lidar com as pulgas é passar sempre aspirador de pó nos pisos da casa,
carpetes e até mesmo em pontos que podem passar despercebidos, como rodapés dos
cômodos. Assim, você retira os possíveis ovos do inseto. Após executar este procedimento, é
essencial aplicar um inseticida específico para eliminar esta praga e repetir o processo por uma
ou duas vezes. Caso vá a um local com mata alta, é importante usar roupas fechadas e
repelente para não ser infectado.

Atenção especial a animais de estimação

Caso tenha cachorro ou gato, é muito importante levar seu animal a um veterinário. A coleira
antipulgas, muito propagada no mercado, funciona como repelente à praga. O acessório não
mata a pulga. É fundamental só usar a coleira quando o animal e a casa já estejam livres de
qualquer tipo de infestação.

Justiça com as próprias mãos

Para matar uma pulga com eficácia, é preciso apenas espremê-la com os dedos. No entanto,
fazer justiça com as próprias mãos não é a melhor alternativa. É mais eficaz procurar ajuda
especializada ou até mesmo passar inseticida no ambiente e um produto veterinário específico
no cão ou no gato.

Não ignore uma infestação de pulgas. Elimine esta praga. Você tem alguma dúvida?
Vamos conversar nos comentários!

Categoria: Controle de Pragas, destaque | Tags: .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *