Quais são as pragas mais comuns em condomínios e como evitá-las

Controle de Pragas

Quem mora em condomínio sabe que nesses locais o aparecimento de pragas urbanas é muito comum. A maioria delas é atraída pela sujeira e pelos alimentos de fácil acesso, portanto, se um morador se descuidar atrairá esses visitantes não só para o apartamento dele, como também para o de seus vizinhos.

As pragas mais comuns em condomínios são as baratas, ratos e pombos. Esses invasores, além de transtornos como sujeira e barulho, transmitem doenças para os seres humanos e animais. A presença de pragas em condomínios é um problema mais comum do que imaginamos, e a melhor solução é a prevenção, que deve ser contínua para evitar as infestações.

No post de hoje falaremos um pouco sobre cada uma dessas pragas e quais medidas o condomínio e seus moradores deverão tomar para mantê-las longe.

Pombos: aves inimigas

Os pombos são animais que além de incomodar com barulho e sujeira, podem transmitir muitas doenças para os seres humanos através de suas fezes. Eles formam seus ninhos em locais que ofereçam fácil acesso a alimentos e água e um abrigo protegido para os filhotes, como forros de telhados, por exemplo.

A principal medida para mantê-los longe é cortar esses acessos. O controle da infestação também pode ser realizado através da instalação de barreiras físicas, como telas ou espículas, que são uma espécie de hastes, nos locais propícios para o seu abrigo.

Ratos: transmissores de doenças

Os ratos são atraídos pela sujeira. Por isso, quanto mais limpo o local, menores as chances dessas pragas aparecerem. Eles acessam as casas através de frestas no chão, paredes e muros. Deve-se fazer a vedação desses locais sempre que houver necessidade. O lixo do condomínio deve ser descartado em local adequado, devidamente identificado e tampado. A limpeza dessas áreas precisa ser realizada no mínimo uma vez por semana. Ralos também são portas de entrada para esses bichos indesejados. Uma medida que pode evitar esse fato é a colocação de telas, tanto na área externa como interna.

Baratas: invasoras sorrateiras

As baratas presentes em condomínios habitam locais com muita matéria orgânica e gordura, como bueiros, galerias de esgoto e caixas de gordura, além de armários, caixas e vãos em paredes e azulejos. Elas aparecem normalmente durante a noite, quando saem a procura de alimento, que pode ser restos de comidas, lixo, papel, cola, entre outros. Fazer periodicamente a limpeza das caixas de esgoto e gordura, não acumular papelão e madeira e descartar o lixo corretamente são medidas que evitam o aparecimento das baratas.

Para reduzir o aparecimento de pragas é importante que seja feito um trabalho preventivo. No entanto, se o seu condomínio já sofre com uma infestação é necessário realizar uma dedetização, que é um procedimento de risco que só deve ser realizado por empresas especializadas. A Loremi Desentupidora e Dedetizadora é referência na prevenção e controle de pragas no país e conta com uma equipe com mais de 100 técnicos a sua disposição.

E como anda a situação de seu condomínio? Já se deparou com algum visitante indesejado? Conte suas experiências para a gente através dos comentários!

 

Categoria: Controle de Pragas, destaque | Tags: .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *