6 pragas urbanas e as doenças que elas causam

Que as pragas urbanas são um problema, todo mundo já sabe. Mas o que pouca gente lembra é que, em alguns momentos, o problema deixa de ser apenas um aborrecimento ocasional e passa a ser uma questão de saúde pública.

Já foi comprovado que diversas doenças (algumas inclusive, que podem levar à morte) são disseminadas por animais que não são bem-vindos em nossas casas, como mosquitos, ratos e baratas. Mas você sabe quais são essas doenças e quais os seus portadores? Para te ajudar a se prevenir e cuidar da sua saúde, listamos os tipos mais comuns de pragas urbanas e as doenças que elas ajudam a espalhar. Confira.

Baratas

As terríveis baratas domésticas não são apenas nojentas. Elas também são responsáveis pela transmissão de diversas doenças, como hanseníase (lepra), hepatite, tifo, além de doenças gastroenterites, como a amebíase e a giardíase. Esses agentes patogênicos são carregados em seus corpos, patas e fezes e depositados nos locais onde ela passa.

Moscas

Comuns em muitas casas, as moscas se alimentam de matéria orgânica, como o lixo da sua casa e a comida em sua mesa. Ao fazer isso, elas não apenas aborrecem quem está por perto, como também transportam micro-organismos causadores de doenças sérias. Febre tifoide e paratifoide, giardíase, amebíase, salmonelose, disenteria, cólera, poliomielite e tuberculose são algumas delas.

Mosquitos

Pernilongos, muriçocas, piuns e borrachudos são alguns dos inúmeros mosquitos presentes em todo o país. Ao picarem as pessoas, além da coceira e irritação que causam na pele também podem causar doenças graves. Malária, leishmaniose, febre amarela, himenolepíase, filariose (elefantíase), difteria, febre paratifoide, e a temível dengue são as principais.

Formigas

No Brasil existem mais de duas mil espécies de formigas. Dessas, aproximadamente 30 são consideradas pragas urbanas. Além de causar danos nas estruturas das casas e até mesmo nos equipamentos elétricos e eletrônicos, esses insetos podem transmitir doenças patogênicas (que causam a infecção hospitalar), amebíase, giardíase, além de transportar protozoários, vírus, bactérias e fungos.

Ratos e camundongos

Os roedores, como ratos e camundongos, são conhecidos como sendo transmissores de agentes causadores de doenças. Dentre elas estão algumas famosas, como a peste negra e a peste bubônica, além da salmonelose, leptospirose, tifo, hantavirose, amebíase, e outras.

Pombos

Quem alimenta os pombos nas ruas e praças das cidades brasileiras pode não saber, mas está contribuindo com a disseminação de um dos maiores transmissores de doenças urbanas do mundo. Em suas fezes estão presentes fungos e bactérias que podem causar doenças como a criptococose, que compromete o pulmão e pode afetar o sistema nervoso central, além de salmonelose, ornitose, alergias respiratórias, dermatites, histoplasmose e blastomicose.

Agora que você conhece algumas das principais doenças causadas pelas pragas urbanas, avalie a sua casa, bairro e condomínio, identifique possíveis pragas e veja quais as melhores soluções para eliminar esse problema da sua vida e resguardar a saúde da sua família. Lembre-se que, além de aborrecer, esses animais representam um verdadeiro perigo para a sua saúde e devem ser evitados.

E você? Tem ou já teve problemas com algumas dessas pragas? Conte para a gente através dos comentários!

Categoria: Controle de Pragas, destaque | Tags: .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *